E

flavolaschia-caerulescens

Este diminuto fungo com cerca de 1 cm de altura é uma raridade que eu tive a sorte de encontrar. É oriundo de Madagáscar e vai-se espalhando pouco a pouco pelo globo, tendo sido encontrado na Tanzânia, Nova Zelândia, Itália Portugal e Espanha. Cresce sobre madeira morta de tojo (Ulex sp.), sabugueiro (Sambucus nigra) e falsa-acácia (Robinia-pseudoacacia)*. O seu pequeno tamanho faz com que passe despercebido apesar da sua cor laranja-vivo; somente um olhar atento e próximo, se possível com a ajuda de uma lupa, permite detectar a curiosa formação do chapéu: Para o fotografar utilizei uma Nikon D4 sobre tripé, uma lente Sigma 150 mm f/2.8 macro e um flash Godox com difusor.

*Informação acerca da distribuição geográfica encontrada no guia micológico “500 Setas del Litoral Atlántico y Noroeste Peninsular” Ed. Cumio.

There are 2 comments


Post a new comment